Óculos com tecnologia de Visão Artificial é apresentado em Comissão na Câmara

Foto | CMC
A Comissão das Pessoas com Deficiência ou Mobilidade Reduzida recebeu nesta terça-feira (14) o representante da empresa Mais Autonomia, Dorom Sasadka, para apresentar o “Óculos Inteligente”, que auxilia a leitura. Segundo Doron “essa tecnologia auxilia não só os deficientes visuais, mas também pessoas com dificuldades de leitura, como disléxicos, pessoas com Síndrome de Down e com deficit de atenção, dando mais autonomia para essas pessoas”.

O presidente da comissão, Jorge da Farmácia (PSDB), conheceu a tecnologia por meio de convite do também parlamentar Fernando Mendes (PRB) que o levou até a Bienal do Livro, em São Paulo, onde a empresa está expondo a ferramenta. Para Jorge, “a autonomia que essa tecnologia oferece a pessoa com deficiência visual é um grande progresso para elas, por isso fiz questão de trazer para a comissão, para que mais gente conheça e possa tentar viabilizar sua aquisição”.
Fernando Mendes é um defensor da boa visão, inclusive fez projetos, a exemplo do reconhecimento da profissão da optometria no município de Campinas que oferecerá um serviço de qualidade à população.

O dispositivo, chamado OrCam MyEye, tem o formato de um pen drive, com o tamanho de um dedo e acoplável a um óculos comum. Ele basicamente tira uma foto do texto que será lido, que pode ser qualquer texto impresso ou digital, e reproduz a leitura dele. A velocidade da leitura e a altura do áudio são reguláveis ao toque no dispositivo. O início e término da leitura também pode ser controlado pelo movimento das mãos. O aparelho também identifica cores, faces, códigos de barras, dinheiro, placas e números e funciona sem internet.

O custo do óculo ainda é alto, R$17.900,00, mas pode ser financiado em até 60 vezes pelo Banco do Brasil, com taxa reduzida, para quem tem renda mensal inferior a 10 salários mínimos, graças a lei que facilita a linha de crédito para tecnologia assistida.
O equipamento foi desenvolvido por uma empresa de Israel baseada na tecnologia utilizada em carros autônomos, que se locomovem sem humanos. Ela ainda está em constante desenvolvimento, já que apresenta limitações. Entre elas estão a não interpretação de figuras, que atualmente é suprida por audiodescrição, não leitura de letra cursiva e a não capitação de objetos em movimento, já que o princípio é a identificação de uma foto.

Estiveram presentes na reunião o vereador Jorge da Farmácia (PSDB), presidente da comissão, os vereadores Fernando Mendes (PRB) e Professor Alberto (PR) e o vice-prefeito Henrique Magalhães Teixeira (PSDB), além de representantes de instituições que atendem deficientes visuais e as secretarias de Educação e de Pessoas com Deficiência.
Óculos com tecnologia de Visão Artificial é apresentado em Comissão na Câmara Reviewed by Rafael Alfaro on Rating: 5

Nenhum comentário:

2021 © Fernando Mendes - Todos os Direitos Reservados.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.