Cuidados com o WhatsApp: 13 dicas de etiqueta para usar o aplicativo

O Whatsapp pegou e mudou hábitos. Mudou a forma como comunicamos e nos fez abandonar de vez a função “ligar” dos celulares.

Ficou mais fácil enviar uma mensagem, um documento, uma foto e até um vídeo.
Facilitou o contato com a família, amigos, fornecedores, clientes e contatos profissionais.

Tanta facilidade fez muita gente perder a dose e o equilíbrio. E o Whatsapp apurou a falta de com senso entre as pessoas.

O Blogueiro Bruno Figueredo escreveu 13 dicas de etiqueta para usar o Whatsapp corretamente, e nós vamos compartilha-las com você.

1 – não é porque você leu que é obrigado a responder na hora. Nem sempre é possível né?

2 – relações comerciais devem ser tratadas em horário de trabalho. Podem acontecer exceções, mas que elas não virem rotina.

3 – se vai conversar pela primeira vez com a pessoa, lembre-se que provavelmente ela não tem seu contato. Peça licença e se apresente. Ah! Faça isso também em dias úteis ou horários comerciais. Se viu que pessoa não deu moral, não fique insistindo. Aja no Whatsapp como você age no seu dia dia.

4 – se você tem urgência em ser atendido, eu te indico fechar o Whatsapp e fazer uma ligação, que até hoje tem essa função. Ninguém é obrigado a ficar com o Whatsapp aberto o tempo todo e responder na hora que você precisa.

5 – pare de ficar pedindo contato de quem você não tem relacionamento para seus amigos e conhecidos. É chato e deselegante. Mailing cada um constrói o seu, e agenda também.

6 – o áudio é prático, mas nem sempre quem está do outro lado pode ouvir. Vai que a pessoa está em reunião? Opte por textos mesmo. É mais prático. Deixe o áudio apenas para momentos de emergência ou que seja mais compreensível falar do que digitar.

7 – não fique adicionando amigos em grupos do Whatsapp sem o consentimento da pessoa. Tem coisa mais chata do que ser inserido em grupos que não tem nada a ver com seus objetivos e gostos? É chato até pra sair do grupo.

8 – cuidado com o que você compartilha no seu Whatsapp. Lembre-se que o celular do outro pode ser roubado e sua reputação pode ir pro lixo. Um print e já era!

9 – seja o mais direto possível e evite aqueles textos gigantes. Ninguém tem muito tempo hoje em dia. Os textos longos somente quando forem bem necessários.

10 – se a pessoa não respondeu, não mande áudio cobrando a resposta, nem envie mil sinais de interrogação cobrando resposta. Calma! Se for urgente, ligue., mas não seja inconveniente.

11 – assim como no tradicional celular, aos chatos de plantão vale bloquear. Um exemplo é casos em que a pessoa fica de conversinha mole, ou é muito chata, insistente ou simplesmente empresa que fica enviando dez mil imagens por dia querendo vender algo.

12 – espalhando imagens e vídeos com piadinhas e conteúdos pornográfico por aí? Que imagem você está criando na mente das pessoas? Ninguém merece mesmo. E o mesmo vale para correntes que espalham fé e terror ao mesmo tempo, ex: "caso você não passe a imagem para mais 33 pessoas da sua lista em 30 segundos...".

13 – não fuja do tema para qual um grupo foi criado. Tem gente que desconhece a palavra foco! Respeite o propósito do grupo e veja se sua postagem tem a ver com a vibe. Não seja aquele ser desagradável.

Se usarmos com moderação e respeito, tudo funcionará bem. A ferramenta é ótima, depende de quem usa

Segue vídeo com entrevista:
Cuidados com o WhatsApp: 13 dicas de etiqueta para usar o aplicativo Reviewed by Fernando Mendes on Rating: 5

Nenhum comentário:

2021 © Fernando Mendes - Todos os Direitos Reservados.

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.